Fronteira

Operação da PRF na fronteira prende 6 e apreende 4 toneladas de maconha

Seis pessoas foram presas e quatro toneladas de maconha apreendidas na primeira etapa da Operação Especialistas, realizada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) de quinta a domingo na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai.

Voltada a combater o crime na região de fronteira, a ação envolveu Policiais das delegacias da região, grupos de policiamento tático, Grupo de Operações com Cães, Núcleo de Operações Especiais e aeronaves não tripuladas.

Conforme o balanço divulgado hoje (20), considerando apenas as apreensões ocorridas na região onde a operação foi feita, quatro pessoas foram presas por tráfico de drogas, uma por mandado de prisão e outra por uso de documento falso.

As apreensões feitas durante a operação incluem 4.197 quilos de maconha, uma pistola calibre 22, 100 munições para fuzil calibre 5.56 e 8 munições calibre 22. Também foi recuperado um Fiat Palio com registro de roubo em São Paulo no dia 28 de janeiro deste ano.

Maconha em sucata – No dia 16, em Nova Alvorada do Sul, os policiais encontraram no fundo falso de uma carreta carregada com sucata de ferro, 1.500 quilos de maconha, as munições e a pistola com silenciador. Foram necessárias dez 10 horas de trabalho para a retirada do entorpecente.
PUBLICIDAD;

O motorista de 54 anos, residente no Rio de Janeiro, apresentou nota fiscal de sucatas de ferro, entretanto informações desencontradas levaram os policiais a uma fiscalização mais apurada, quando foi encontrado o fundo falso na carroceria. A carga estava sendo levada para Araçariguama (PR).

Cães farejadores – Na noite de quinta em Dourados, os policiais rodoviários localizaram, com a ajuda de cães farejadores, 91 quilos de maconha em um Golf com placa de Minas Gerais, conduzido por um homem de 50 anos.

Parado no posto da PRF na saída para Campo Grande, o motorista se mostrou nervoso e caiu em contradições sobre a presença dele na região. O cão Mac indicou a existência de drogas no fundo falso no porta-malas e no assoalho do veículo.

Maconha com soja – Na sexta-feira, também em Dourados, a Polícia Rodoviária Federal apreendeu 2.530 Kg de maconha transportados sob uma carga de soja na carreta Volvo FH12 380 4, com placa de Maringá (PR), conduzido por um homem de 43 anos.

Os fardos de maconha estavam embaixo da soja a granel. Foi preciso retirar toda a carga para localizar os fardos de maconha. Segundo o motorista, a droga carga foi embarcada em Aral Moreira e seria levada até São Paulo. Com ele foram encontrados R$13 mil em espécie, parte do pagamento pelo tráfico.

Olheiro – No sábado, a PRF prendeu um homem com documento falso na BR-463. Ele é suspeito de fazer o trabalho de “olheiro” do crime organizado.

O homem foi abordado andando a pé perto do posto da PRF em Ponta Porã. Ele apresentou um documento com indícios de falsificação e disse que estava esperando um ônibus.

Com a suspeita da cédula de identidade ser falsa, ele confessou que o documento não era legítimo e tentava esconder sua verdadeira identidade porque era fugitivo do presídio de Ipueiras (CE), onde cumpria pena por roubo.

O homem de 35 anos contou ainda que é morador da comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro, e trabalha como mototáxi. Sobre o motivo de estar próximo à unidade da PRF, disse que estaria numa fazenda vizinha e faria uma cobrança para o dono da fazenda.

Com ele estava um aparelho celular, supostamente usado para troca de informações com criminosos do Rio de Janeiro. A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Federal em Ponta Porã.

Publicidade

Comentarios

Más popular

Arriba