Alto Parana

Chuva, tempestades de granizo e tornado atingem campo no Paraná

Ventos de 120 km/h de um tornado destruíram lavouras a aviários.
Hortaliças ficaram comprometidas e verduras apodreceram.
A semana teve muita chuva, tempestades de granizo e tornado atingindo o campo paranaense. Na região de Francisco Beltrão e Pato Branco, no sudoeste, os ventos de 120 km/h de um tornado arrancaram árvores, postes, destruíram lavouras e aviários inteiros.
4328166_x240-165x125
Pelo menos, cinco casas na área rural foram arrancadas pela força do vento. Quase 60 mil pintinhos ficaram ao meio dos escombros de barracões.

Em vários pontos do estado, tempestades de granizo, como essa em Marialva, no norte, comprometeram as hortaliças. Em Cascavel, que fica no oeste, nas horas a céu aberto, as verduras não resistiram e apodreceram. A chuva também deixou lavouras alagadas no norte do estado, de milho safrinha e até do trigo já cultivado.

O risco maior que preocupa o agricultor é que a lavoura fique doente e seja atacada por fungos. “No momento, a gente tá totalmente impossibilitado de fazer o tratamento”, disse o produtor de trigo Luiz Lonardoni.

Segundo a Secretaria Estadual de Agricultura, o plantio do trigo está no fim – 97% de área cultivada. A pasta afirma a possibilidade de perda de qualidade e de produtividade. Em duas semanas, deve ser divulgado um laudo detalhado desse cenário.

Já em relação ao milho safrinha, até agora, os agricultores colheram 25% da área prevista. A secretaria confirma que, no geral, não tem atraso na colheita. Neste mesmo período de 2014, os produtores tinham colhido 21%.

Como a maior parte da lavoura está em fase de maturação, não há dados confirmados quanto à perda na produção até o momento. Mas, o que pode ocorrer, é uma perda na qualidade do grão.

De acordo com o Instituto Tecnológico Simepar, já choveu mais que o recorde histórico de cada região do Paraná e um grande responsável por esse cenário é o efeito El Niño, que facilita o escoamento da umidade da Amazônia para o sul do país. Por essa razão, a previsão é de mais chuva.MARECHAL NEWS

Comentarios

Más popular

Arriba