Alto Parana

Falta de água preocupa setor agrícola

Crise afeta principalmente culturas altamente dependentes de irrigação, como as hortifrutigranjeiras.
Para reduzir os impactos na crise hídrica, o agricultor pode usar técnicas de aproveitamento da água da chuva e dos rios para irrigar as plantações, de acordo com o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Jorge Werneck.
logo_alerta_do_campo

– Você tem técnicas também para fazer manejo de irrigação, tanto pelo clima, quanto pelo acompanhamento da umidade do solo, que te permitem definir exatamente qual é a quantidade de água e em que momento você tem que aplicar essa água para seus cultivos terem o máximo de produção – afirma.

Em solos com grande desnível, diz Werneck, é possível implementar o chamado terraceamento, que fraciona a área em degraus para que a chuva desça com menos força, o que permite maior infiltração da água . Outra sugestão do especialista é desenvolver mecanismos para reduzir o desperdício na condução da água dos rios até o local da plantação. Segundo ele, até 50% do recurso é perdido durante o trajeto.

O pesquisador da Empraba ressalta que essas práticas têm que ser utilizadas de forma conjunta. Uma prática isolada às vezes não é suficiente.

– Isso tem que ser analisado caso a caso em função do tipo de solo, do relevo, pra que a gente tenha um melhor aproveitamento desses recursos hídricos dentro da propriedade rural – diz o pesquisador.

Crise Hídrica

Comentarios

Más popular

Arriba